quinta-feira, 21 de junho de 2012

evoluindo

Não quero mais me perder nas tristezas
Não quero mais me encontrar em suas mentiras
Quero de novo é o seu mais puro amor
Não quero mais saber de tanta aspereza
Não quero mais chorar
Quero dias claros
Dias de sol e de sorrisos
Dias de pura alegria
Quero muita  calmaria
Quero mesmo é amar
E nesse novo amor...
...
...
Vou me soltar, me entregar
Me sentir segura, feminina
Vou esquentar a calmaria
Colorir de vermelho nossa vida
A cada dia mais e mais me apaixonar
E na paixão...
...
...
Vou me perder
Para só você me encontrar


texto remall.
foto remall, flor na varanda da Querência

4 comentários:

  1. As flores nascendo e nascendo...apesar da chuva, aqui, acontece o mesmo!!

    Lindo seu poema:
    "...Vou me perder
    Para só você me encontrar..."
    Bravoooooooooo...

    Tenha Um Dia Maravilhoso!
    Muita Luz!

    ResponderExcluir
  2. Lindo, lindo amiga, que delicia de texto/poesia!
    adoro esta flor também, mas o paco arranca tudo, acho que vou fazer como vc pendurar!!!
    na frente da construção do meu marido tem um cachorrinho marrom de olhinho verde, os pedreiros estão dando comida e eu fiquei tentadinha nela, mas pensei e se ele for danado como o bravo da Re? bem, de qualquer maneira meu marido não quer, cada semana eu vou lá e namoro um novo cachorro.
    se bem que alguns vão ficando da obra, ai eles levam pra proxima obra, alguns pedreiros adotam eles, ou seus filhotes... depois do paco babo em todos... bjuu

    ResponderExcluir
  3. Adorei, eu!
    Me identifiquei com suas palavras.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. lindo e confessional!
    belas reflexões por aqui...

    ResponderExcluir

adoro suas letrinhas combinando com as minhas