terça-feira, 12 de agosto de 2014

Memórias de um cachorro - Não estou gostando de nada disso

Bem, como dizem por aí...alegria de pobre dura pouco
E estou me sentindo o mais pobre de todos os pobres da região
Não gosto de reclamar, vocês me conhecem e sabem como sou um conformado
Isso mesmo, conformado
Vejam tudo que tem me acontecido desde que nos conhecemos
Cheguei nessa família linda, morei na cidade, depois vim para a Querência
Então, ela teve uns problemas e desaparecia
Quase que não vinha me ver
Tinha um irmão super gente boa que partiu
Foi conhecer São Francisco
Fiquei um bom tempo sem Ela no meu dia a dia
Depois ganhei outro irmão, gente boa também, mas meio ciumento e
mimado
E quando tudo parecia que tinha chegado no paraíso...
Ganhei mais dois irmãos,pura loucura aqueles dois
Mas eu resisti e aprendi a ama-los, lógico que da minha maneira rsrsr
A última vez que vim por aqui, estava feliz da vida com a nova parte
do terreno para a gente se esbaldar
Pois bem...
Sábado de sol e céu azul
Sábado de alegria...ou quase
Começaram  o dia  com um anda pra lá e anda pra cá
Ela e o Grandão medindo, divergindo sobre colocar ou não
Eu, com meu instinto sábio...logo vi que o pior ia acontecer
Viu ! aconteceu
Como que por um milagre as avessas
Uma porteira surgiu no meio do caminho
E Carlos Drummond de Andrade declamava sobre uma pedra
Uma única pedra !
E , nós aqui com uma PORTEIRA
E ainda colocaram uma tela para que nenhum de nós resolva se esticar
e passar pelo vão de uma régua e outra
Bem, o resto vocês já sabem né
Nada de correr morro acima, rolar morro abaixo
Brincar na lama do brejo
O futuro, que já vivemos no presente , é ficar mesmo do lado de cá
Olhando para o outro lado
Fazer o quê , né
É a vida





texto remall
foto remall, a nova porteira na Querência

9 comentários:

  1. Tadinhos! Os donos são mesmo "caretas"! Estragaram a brincadeira! rsrs Ninguém merece!

    ResponderExcluir
  2. Os eternos "traquinas"!
    Lindos!!

    Afagos daqui de Portugal para eles :)

    ResponderExcluir
  3. ahaha tadinho.
    Alegria de pobre dura pouco mesmo, oh tristeza!!

    Bjuuuu grande amiga, amo as memórias!!

    ResponderExcluir
  4. Riquinho. Engraçado como eles tem ciume do novos que chegam. Adorei as memórias.
    Bjos tenha um ótimo dia.

    ResponderExcluir
  5. Passando para lhe desejar um ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  6. Blog encantador,gostei do que vi e li,e desde já lhe dou os parabéns,
    também agradeço por partilhar o seu saber, se achar que merece a pena visitar o Peregrino E Servo,também se desejar faça parte dos meus amigos virtuais faça-o de maneira a que possa encontrar o seu blog,para que possa seguir também o seu blog. Paz.
    António Batalha.

    ResponderExcluir

adoro suas letrinhas combinando com as minhas