quarta-feira, 21 de março de 2012

o fogo

Transborda de dentro de mim
essa vontade louca de gritar
Transborda de dentro de mim
esse sentimento de amor que me enlouquece
Não quero mentir para mim
Não quero mentir para você
Desagua   dentro de mim  esse carinho, esse amor
Desagua  dentro de mim esse querer arrebatador
Não quero fingir para mim
Não quero fingir para você
Quero muito viver plenamente esse amor
Quero muito viver plenamente essa paixão
Sem medos
Sem receios
Pois só os loucos sabem
Como é realmente amar

texto remall.
foto remall, fogo nos raminhos de pinheiro

8 comentários:

  1. Que lindo amiga!!!!
    Ah, o amor tem que ter entrega mesmo...

    agora que consegui fazer a postagem de ontem, o resfriado tá pesado. Ah, recebi um recadinho da Valéria e vi que vcs se acharam!!!!!! que bom!

    bjuuu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, o amor em minha vida...é minha vida !

      Eu a Valéria finalmente nos reecontramos .

      Excluir
  2. O amor é entrega sem receios...ou estar ou não estar, não existe meio termo!!

    Linda a foto, BELA!!
    Adoro o elemento fogo!!

    Tenha um Belo e Iluminado Dia!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Robera, não existe meio e termo MESMO

      Excluir
  3. Já dizia o poeta:

    "Amor é fogo que arde sem se ver;
    É ferida que dói e não se sente;
    É um contentamento descontente;
    É dor que desatina sem doer;

    É um não querer mais que bem querer;
    É solitário andar por entre a gente;
    É nunca contentar-se de contente;
    É cuidar que se ganha em se perder;

    É querer estar preso por vontade;
    É servir a quem vence, o vencedor;
    É ter com quem nos mata lealdade.

    Mas como causar pode seu favor
    Nos corações humanos amizade,
    Se tão contrário a si é o mesmo Amor?"

    Luís de Camões

    Beijos
    Feliz dia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. An@, o grande poeta, disse tudo e de forma perfeita.
      Amor, amor, amor....amor, amor,amor

      Excluir

adoro suas letrinhas combinando com as minhas